Dia da Masturbação: veja cinco dúvidas respondidas por uma sexóloga

Corre na internet o burburinho de que esta sexta-feira (05) é o Dia Internacional da Masturbação. No entanto, há poucas evidências de que a data foi instituída formalmente e talvez por isso, pouca gente saiba. Certo mesmo, é que segundo um blog da revista Samuel, de imprensa independente, o mês de maio seria o Mês Internacional da Masturbação. O mês ficou marcado quando, em 1994, a pediatra Jocelyn Elders perdeu o emprego após ter discursado em um evento da ONU sobre o autoprazer na sexualidade feminina.

Mas... Maio ou julho, quem se importa? A masturbação é presente na vida de muitas pessoas diariamente e com o assunto em evidência nas redes sociais, o Bocão News abriu espaço para os leitores tirarem suas dúvidas mais cabeludas. A reportagem elegeu cinco delas e as enviou para a sexóloga especialista em casais e família, Mirna Rosier. Confira as perguntas e claro, as respostas. Depois, disso? Ah... Curta esse dia!

Luis Eduardo - Faz mal se masturbar todos os dias? De onde vem o sêmen dos homens? A mulher também ejacula? Existe mesmo o ponto G da mulher?

Resposta - A masturbação é um hábito saudável e faz parte do processo de descoberta sexual. Ela pode se tornar um problema quando interfere na rotina do indivíduo, no seu trabalho, na vida social, no seu relacionamento. Assim, o indivíduo apresenta uma dificuldade de controle, comportamento presente em viciados e compulsivos sexuais.

O sêmen fica armazenado nos testículos e é composto por três substâncias: os espermatozóides que são produzidos nos testículos, o líquido seminal, produzido na vesícula seminal e o líquido prostático, produzido na próstata. Estas substâncias se juntam na uretra e são liberadas na forma de jato no momento da ejaculação.

A ejaculação feminina pode acontecer, mas não é muito comum e mesmo aquelas mulheres que relatam tal experiência, não é muito frequente. Comum acontecer em mulheres que possuem a musculatura pélvica fortalecida.

Para mim, o ponto G na mulher se chama clitóris, diante da quantidade de terminações nervosas da região e extrema sensibilidade.


Anaclecio Oliveira - É verdade que nasce cabelo na mão de quem se masturba?

R - Este é um mito popular criado com o intuito de reprimir o hábito natural e saudável da masturbação. O que deve ser evitado é o excesso da masturbação para que isto não se torne um vício.

Edu Moreira – Uma “punheta” pode ser melhor do que uma “foda”?

R - A masturbação é uma atividade solitária “punheta”, enquanto que a relação sexual “foda” é uma atividade para ser realizada a dois. Uma não exclui a outra e ambas promovem experiências muito diferentes. É muito comum os indivíduos ao se casarem ou estabelecerem um relação mais estável excluírem a masturbação de suas vidas por motivos diversos. Tremendo engano! O conhecimento sexual adquirido através da masturbação é diferente da relação sexual, cabe a cada um fazer suas avaliações e não excluir nenhum desses hábitos de sua vida.

Robson - Gostaria de saber se masturbar todos os dias é uma doença? Tipo, eu preciso de um psicólogo?

R - Caso a masturbação interfira na sua rotina, trabalho, vida social, relacionamento, apresentando uma dificuldade de controle deste comportamento, procure ajuda de um psicólogo. Pode ser o início de uma compulsão. Caso você se masturbe algumas vezes ao longo do dia e isto não interfira nas suas responsabilidades diárias, não se preocupe, você apenas pensa um pouco mais em sexo, mas consegue dar seguimento as suas responsabilidades e compromissos.

Miretty Di Biachio - Já que amanhã (hoje) é o dia da masturbação... É normal a pessoa se masturbar sempre mesmo sendo casado? Tenho um amigo que se masturba todos os dias.

R - A masturbação é um hábito natural devendo ser praticado pelo indivíduo durante todo o seu período de atividade sexual. O fato de ser casado não deve excluir a masturbação. As experiências promovidas pela masturbação e pela relação sexual a dois são diferentes além do que, nem sempre temos uma parceria sexual disponível à prática do sexo em todos os momentos que sentimos desejo sexual.

Fonte: Bocão News

0 comentário " Dia da Masturbação: veja cinco dúvidas respondidas por uma sexóloga "

Postar um comentário

Obrigado por seus comentários